Portal de Meio Ambiente (PMA) Brasil - Natal,Rn - Campus UFRN

Governo aberto para lideranças em clima, floresta e agricultura. Inscrições até dia 20 de agosto

Divulgado em: 04/08/2017

598076d5442ab_IMF-Curso-GovernoAberto-Emkt3Descrição

 

Porque participar desse curso?

 

Imaginar que conservação ambiental, desenvolvimento econômico e garantia de direitos podem ser promovidos e fortalecidos por meio do bom funcionamento de instrumentos de PARTICIPAÇÃO, de TRANSPARÊNCIA e de PRESTAÇÃO DE CONTAS DO GOVERNO pode ser um fato novo para alguns profissionais, especialmente para os que atuam na área ambiental. No entanto, tais instrumentos apresentam grande potencial na criação das condições necessárias para elaboração e implementação de soluções e de políticas públicas para Clima, Floresta e Agricultura no Brasil e no mundo.

 

O uso da TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO e da COMUNICAÇÃO, aliado à possibilidade de visualização de grandes quantidades de dados, contribui com o desafio de “cuidar das florestas, do clima e da agricultura”, já que auxiliam na compreensão dos problemas, suas inter-relações e “espaços” para formulação de políticas públicas mais efetivas.

 

A APROXIMAÇÃO DOS MUNDOS…

 

Apesar do enorme potencial da relação entre este campo emergente de Governo Aberto e as organizações que atuam com os temas florestais, agrícolas e climáticos, o quadro ainda é de forte distanciamento.

 

A proposta do Curso de Governo Aberto para lideranças em Clima, Floresta e Agricultura busca promover um espaço para a aproximação destes “mundos” e despertar nos profissionais a importância e as oportunidades trazidas pelo tema Governo Aberto em sua prática profissional.

 

O curso é uma proposta pioneira no Brasil. Ele visa promover um amplo aprendizado dos aspectos relacionados a Governo aberto, com projetos e ações voltados ao aumento da transparência, à luta contra a corrupção, ao incentivo à participação social e ao desenvolvimento de novas tecnologias que tornem os governos mais responsáveis por suas ações e preparados para atender às necessidades dos cidadãos relacionados com os temas florestais, agrícolas e climáticos.

 

O Imaflora, com o apoio da CLUA (Climate and Land Use Alliance) e parceria das instituições Artigo 19, Escola de Dados, Open Knowledge Brasil, Agenda Pública, Observatório do Clima, Observatório do Código Florestal, ICV (Instituto Centro de Vida), Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU) e Fellowship OEA de Governo Aberto nas Américas tem o prazer de convidar você para participar deste processo de aprendizado e descoberta!

 

Objetivo

 

Destinado a profissionais que atuam com políticas públicas florestais, agrícolas e climáticas, o curso visa difundir o conceito, os princípios e as práticas de Governo Aberto, aproximar organizações que atuam com o tema e mobilizar os participantes para que utilizem os instrumentos de participação, transparência e prestação de contas em suas organizações.

 

Local

 

O curso é está organizado em 3 etapas, sendo a primeira à distância, que acontece no mês de setembro, a segunda presencial que será realizada na sede do Imaflora nos dias 4, 5 e 6 de outubro e a terceira voltada a elaboração de projetos que serão apresentados em dezembro deste ano na conclusão do curso.

 

Público-alvo

 

Lideranças de organizações da sociedade civil, de órgãos públicos e do setor privado que atuam com políticas públicas florestais, agrícolas e climáticas e que tenham o interesse de conhecer e aplicar o conceito, os princípios e as práticas de Governo Aberto.

 

Vagas disponíveis

 

23

 

Programa

 

Como o curso está organizado?

 

Será realizado em 3 etapas:

 

1ª etapa: À distância – Setembro

 

4 semanas de atividades à distância, nas quais serão abordados os conceitos e os princípios de governo aberto. Os temas serão:

 

1ª semana: Governo Aberto; 2ª semana: Transparência, acesso à informação e dados abertos; 3ª semana: Participação social; 4ª semana: Accountability.

 

A cada semana os participantes farão as seguintes atividades. 1) leitura de textos sobre o tema da semana; 2) participação em um webinar com um convidado especialista na temática; 3) Participação no Fórum de Discussão.

 

Nesta etapa a dedicação prevista é de 6 horas por semana.

 

2ª etapa: Presencial – 4, 5 e 6 de Outubro

 

Serão 3 dias em Piracicaba/SP, na sede do Imaflora. No encontro os participantes terão a oportunidade de se aprofundar nos conceitos, além de realizar trocas de experiências e reflexões coletivas sobre os desafios para avançar nas práticas de Governo Aberto associadas às políticas florestais, agrícolas e climáticas no Brasil. Serão convidados para realizar atividades e diálogos durante o encontro, profissionais, ativistas e acadêmicos com experiência em temas e práticas de Governo Aberto, incluindo representantes das instituições parceiras do curso.

 

3ª etapa: Tutoria de projetos – Outubro, novembro e dezembro

 

Nesta etapa, os participantes devem elaborar um projeto a ser implementado em suas organizações e áreas de atuação. O projeto será definido pelos próprios participantes com o objetivo geral de aprimorar a atuação de sua organização em ações que promovam práticas de Governo Aberto e/ou impactar políticas públicas florestais, agrícolas ou climáticas. O projeto pode ser realizado individualmente ou em grupos de até três pessoas e será desenvolvido ao longo de 2 meses com auxilio de tutores, que serão membros do Imaflora, Unicamp, Artigo19, Agenda Pública, CGU e Escola de Dados.

 

Em dezembro, serão realizados webinars para apresentação dos projetos e debate entre os participantes. Além disso, os participantes devem realizar ao menos uma ação de difusão (Ex. palestra, oficina, seminário, artigo ou vídeo-aula) do que foi aprendido durante o curso para membros de sua organização e/ou público com qual atua.

 

Duração

 

De setembro/2017 a dezembro/2017

 

Informações

 

Como posso me inscrever?

 

As inscrições serão realizadas no período de 1 a 20 de agosto de 2017. Os candidatos devem preencher a ficha de interesse com seus dados, informações sobre as atividades que desenvolve dentro da organização em que trabalha, justificativa do interesse pelo curso e proposta preliminar do projeto que pretende desenvolver como parte do processo de formação.

 

Critérios de seleção:

 

Serão utilizados os seguintes critérios para a seleção dos participantes:

 

- Posição e atividades desenvolvidas dentro da organização

- Balanço entre membros de órgãos públicos e da sociedade civil

- Diversidade de entidades representadas, com especial atenção para entidades que representem grupos vulneráveis, como indígenas, extrativistas e agricultores familiares

- Diversidade de Estados, mas considerando que parte dos participantes deve ser da Amazônia ou atuar na região

- Balanço de gênero

- Justificativa para a participação no curso

- Proposta do projeto

 

Materiais complementares

 

INVESTIMENTO

 

O curso é gratuito, porém as despesas com a logística (transporte, alimentação e hospedagem) para o encontro presencial ficam a cargo do participante. Existirão algumas bolsas para custear tais despesas, que, caso necessário, devem ser solicitadas no momento da inscrição.

 

O certificado será emitido somente com a participação em todas as fases do curso.

 

Mais informações sobre o curso, no folder completo disponível aqui.

 

Fonte: Imaflora

Share Button


Todas as notícias.

    Astronomia no Zênite

    Programas da DMA

    DMA Comunica

    contorno1

    contorno1

    contorno1

    Banner NUPECS

    Banner Parque da Cidade


    Dicas de páginas

    Espaço Amazônia

      Washington Novaes